Grávida de um amigo colorido

Grávida de um amigo colorido

Ideias e dicas para esta situação difícil

Provavelmente, engravidar não estava nos vossos planos nem sequer falaram no que fazer, caso acontecesse. Mas agora essa amizade colorida levou a esta gravidez. Encontre aqui ideias e dicas para esta situação difícil. 

Sugestões para si:

 

Amizade colorida: complexa e sempre diferente

Há quem lhe chame amizade colorida, amizade com benefícios ou a vejam apenas como uma “curte”. Talvez nem todas as pessoas se refiram exatamente ao mesmo, dado que este tipo de relação pode assumir formas muito distintas e ter propósitos diferentes: 

  • No seu caso, talvez o foco estivesse mais na amizade... ou  mais no “colorido”. 
     
  • Talvez esta sua relação já durasse há algum tempo... ou talvez fosse muito recente.
     
  • Talvez não tivessem, propriamente, decidido tornarem-se amigos coloridos. Simplesmente, o afeto estava lá e uma coisa levou à outra...

No entanto, em qualquer uma destas formas, o mais provável é que a ideia de começar uma família não estivesse presente. Geralmente, numa amizade com benefícios ou numa “curte”, vive-se algo além da amizade, mas sem a obrigação e a “bagagem emocional” de um namoro propriamente dito.

 

De repente há mais do que era suposto...

Descobrir, de repente, que está grávida sem ter planeado pode ser um grande choque. Provavelmente, esta reviravolta não estava prevista nos vossos planos ou no vosso “acordo” sobre a relação. 

Sabemos, pela nossa experiência de acompanhamento, que esta mudança inesperada não é assim tão rara. E que pode levar a uma verdadeira crise... 

✅ Dica: dado que se trata de uma grande surpresa, é recomendável começar por respirar fundo. Mesmo que esta situação lhe pareça contraditória, ainda há muitos aspetos que podem ser clarificados e organizados gradualmente. 

  • Ele reagiu negativamente à notícia da gravidez e você não sabe o que fazer? Neste artigo pode encontrar algumas ideias e explicações: Ele não quer a criança.

 

A evolução possível de uma amizade colorida

Quando uma relação assim leva a consequências tão importantes como uma gravidez, nada permanece como era. Nesta situação, talvez a ajude analisar o que significaria, para a vossa relação, terem um filho juntos. É uma maneira de irem clarificando o que há a fazer agora. 

 

Aquilo que não é... Pode vir a ser?

Diante destas novas circunstâncias, talvez pense na possibilidade de ter “algo mais” com ele. Quem sabe, começar uma família? Sugerimos algumas perguntas que poderá fazer a si própria: 

  • Esta “amizade com benefícios” significa mais para si do que aquilo que pensava quando tudo começou? Não é raro que um dos parceiros, ou mesmo ambos, se apercebam que existem novos sentimentos naquela amizade. 
     
  • Quais são os seus desejos e esperanças quando pensa neste amigo? 
     
  • Será que esta vossa relação se assemelha mais àquilo que se pode chamar namoro, mesmo que ainda nenhum de vocês tenha utilizado essa palavra? Falar com ele sobre isso poderia ajudar a clarificar a situação? 

 

Apenas amigos

Talvez o caráter “colorido” desta relação signifique, para si, apenas um prazer momentâneo, que não leva a um namoro. Nesse caso, vale a pena ter em conta:

  • Que potencial tem esta relação colorida para se desenvolver enquanto amizade? Você gostava que ela crescesse?

     
  • Permanecendo meramente como amigos, consegue imaginar-se a terem um filho juntos? É capaz de identificar soluções viáveis para isso, não como casal, mas como amigos, especialmente se, até agora, vocês se têm dado bem?
     
  • Ou prefere preparar-se para tomar sozinha todas as decisões futuras? 

 

🕰  Talvez a ajude, nas suas reflexões, lembrar-se que uma gravidez dura nove meses. Isto garante tempo para a situação crescer e amadurecer, mesmo em relação àquilo que ainda parece pouco claro ou mesmo crítico. 

 

Quem, ou o quê, pode agora ser uma ajuda?

As conversas com amigos ou outras pessoas próximas são sempre uma ajuda em situações difíceis. Talvez uma conversa com o seu amigo colorido vos possa ajudar a pensar em conjunto sobre esta situação. 

ℹ️ Nota importante: algumas mulheres sentem que não têm o direito de prosseguir com a gravidez, porque não era isso que tinham combinado. Nós gostávamos de a encorajar a libertar-se desse pensamento. A situação mudou, provavelmente sem ter sido planeada. Mas agora, pode reavaliar tudo com base nesta mudança, olhando para os vários caminhos possíveis. A decisão é sua!

Talvez se sinta bastante só no meio de tudo o que se está a passar, ou pressionada em determinada direção. São várias as mulheres que, nestas circunstâncias, sentem falta de alguém que se mostre compreensivo. Sinta-se à vontade para contactar as nossas counsellors a qualquer altura!

 

Outros artigos interessantes:

Considera que a informação neste artigo foi útil?