Gravidez

As 10 perguntas mais frequentes sobre o tema “Gravidez”

Dicas para si:
🤰🏻 "Será que estou grávida?” — Faça o Teste de Gravidez Online
📆 Em que semana estou? — Descubra com a nossa Calculadora da Semana de Gravidez

1. É possível engravidar sem penetração?

Não teve relações sexuais, mas teve um contacto muito íntimo? Muitas jovens e mulheres sentem-se inseguras depois de uma situação destas.

Antes de mais: a probabilidade de engravidar sem penetração é extremamente baixa. Mas também não é totalmente impossível. Para que uma gravidez aconteça, é necessário o seguinte:

  • A mulher deve estar no seu período fértil.
  • Os espermatozoides vivos atingiram a entrada da vagina ou chegaram mesmo a entrar nela.

Os espermatozoides precisam de muco cervical para sobreviver. Caso contrário, morrem muito rapidamente: por exemplo, se entrarem em contacto com o ar ou a pele. A propósito, o líquido seminal (pré-ejaculatório) também pode conter espermatozoides.

💗 É possível engravidar sem penetração? — Temos um teste para si!

🌱 Processo de fecundação: como e quando é possível engravidar?

2. Quais são os sinais típicos de gravidez?

A gravidez pode fazer-se anunciar através de muitos sintomas diferentes. Os sintomas típicos são cansaço, tensão mamária, dores abdominais leves ou dores de cabeça. No entanto, estes sintomas também podem ser semelhantes aos que experimenta durante a tensão pré-menstrual. Em ambos os casos – menstruação e gravidez – são os níveis da hormona progesterona que são responsáveis por estas sensações.

A melhor maneira de saber se está, de facto, grávida, é fazer um teste de gravidez - ou esperar para ver se o período aparece novamente.

3. Como funciona um teste de gravidez?

Os testes de gravidez de venda livre que pode comprar na farmácia, parafarmácia ou supermercado podem indicar uma gravidez porque detetam uma determinada hormona no seu corpo. Durante a gravidez, a mulher produz uma maior concentração da hormona beta-hCG (ou GCh, sigla portuguesa), que pode ser detetada na urina.

  • É importante utilizar corretamente este tipo de teste. Só se pode ter a certeza da gravidez alguns dias após a fecundação. Por conseguinte, faz sentido esperar para fazer o teste até que o seu período esteja, de facto, atrasado. Além disso, o teste deve ser realizado com a urina da manhã, dado que a hormona da gravidez estará mais concentrada nesse momento.

✅ Como faço um exame de urina da farmácia?
❌ Posso estar grávida apesar de um teste negativo?
📆  Grávida apesar de estar menstruada: isso é possível?

4. Tabagismo, álcool e drogas: os meus consumos prejudicam o meu filho?

Talvez só tenha percebido que estava grávida depois de consumir alguma substância que a preocupe, e agora esteja a pensar se os cigarros, álcool ou medicamentos e drogas anteriores tiveram um impacto negativo no desenvolvimento do seu filho.  

É evidente que este tipo de substâncias podem prejudicar um embrião, principalmente se forem ingeridas em grandes quantidades. Por isso, quanto antes parar de consumir, melhor!

Porém, há um facto a ter em conta: nos primeiros dias, o embrião não recebe nenhum nutriente do sangue da mãe. Além disso, as células danificadas podem ser reparadas nas primeiras quatro semanas. Se a nicotina ou outra substância tivessem prejudicado gravemente o seu filho, provavelmente isso teria conduzido a um aborto espontâneo precoce e despercebido. 

🍷🚬 Leia mais aqui ou faça o Teste de Substâncias: será que o meu filho é saudável?

📗 Outros artigos relevantes: 
Nutrição durante a gravidez: a que devo prestar atenção?
Desporto, Viagens (aéreas) e natação durante a gravidez
Dicas contra os enjoos matinais !

5. Diagnóstico pré-natal: o meu filho é saudável?

Embora a gravidez possa ser acompanhada por sentimentos contraditórios, muitas vezes surge a sensação de estar diante de decisões diferentes. 
Talvez o seu médico lhe tenha perguntado se gostaria de fazer determinado exame pré-natal. Ou, então, já ouviu falar sobre o tema e gostaria de saber mais. 

Também pode acontecer que já tenha feito alguns exames e que estes tenham revelado a existência de possíveis anomalias ou determinado diagnóstico. Sente-se como se lhe tivessem puxado o tapete debaixo dos pés?
A experiência mostra que muitas (prováveis) deficiências acabam por não ser confirmadas, acabando por nascer uma criança saudável. Contudo, é compreensível que, por agora, esteja a pensar como gerir a situação e quais as opções que tem diante de si. 

De qualquer forma, pode informar-se tranquilamente. Não é necessário tomar nenhuma decisão do dia para a noite. Além disso, não é preciso passar sozinha por este período!

🩺 Decisão tardia: abortar por deficiência? – Temos um teste para si!

6. Grávida e menor de 18 anos: o que tenho de saber?

Ainda que uma jovem seja menor de idade, ela pode tornar-se mãe normalmente. Ninguém a deve pressionar a fazer um aborto, nem o namorado nem os pais ou responsáveis legais. Além disso, e relativamente a estes últimos, quanto maior for a maturidade demonstrada pela adolescente, mais a sua vontade deve ser tida em consideração.

Enquanto mãe menor de idade, há alguns aspetos a considerar: a jovem mãe tem direito a criar o seu filho e tomar as decisões relativas ao dia a dia da criança, mas pode não ter a guarda legal até atingir a maioridade. Neste caso, o tribunal determinará quem fica o responsável legal: os seus pais, o pai ou os avós paternos da criança, ou outro familiar adulto. No entanto, o mais natural é a situação alterar-se e a guarda ser atribuída à mãe a partir do seu 18.º aniversário.

No entanto, enquanto grávida menor de idade, a jovem também tem direito aos apoios normais previstos pela Segurança Social, tal como o subsídio (social) parental, que pode ser atribuído ao pai ou aos avós, abono pré-natal e abono de família, bem como outros apoios possíveis e que se destinam a garantir que mãe e filho estejam bem.

7. Grávida e a trabalhar: que regras se aplicam a mim?

Enquanto mulher grávida, geralmente estará bem protegida no seu local de trabalho. Existem alguns apoios financeiros e existe também uma proteção contra despedimento, se o motivo deste for a gravidez. Esta proteção está prevista em leis que pretendem garantir que o trabalho não prejudique nem a mãe nem o seu filho.

É diferente, porém, se tiver um contrato de trabalho a termo certo.A entidade empregadora não é obrigada a renová-lo pelo simples facto da trabalhadora estar grávida, embora essa intenção de não renovação deva ser comunicada à CITE.

8. Grávida durante o estágio/ estudos: como conciliar?

Talvez tenha planos completamente diferentes e esteja a pensar se pode continuar a concretizá-los durante a gravidez e enquanto mãe. Felizmente, existem muitas opções e ajudas para que possa cuidar do seu filho e continuar, ao mesmo tempo, a sua formação profissional. 

Normalmente, deverá ser possível concluir a parte curricular da sua formação. Além disso, também pode continuar a assistir às aulas como habitualmente e concluir os seus exames. Poderá organizar um plano individual com o responsável pela sua formação e ajustar o tempo de algumas avaliações. 
Por isso, é melhor conversar com as pessoas indicadas o mais rápido possível para que possa, em conjunto, elaborar um caminho adequado para si!

Em função das atividades práticas ou dos materiais com os quais tem de lidar durante o estágio, por exemplo, poderá encontrar alternativas que a protejam a si e ao seu filho. 

Pode encontrar mais informações, incluindo ajuda financeira, opções de habitação e outros cuidados a ter nos seguintes artigos: 

👩🏽‍💻 Grávida durante os estudos
👩‍✈️  Grávida durante o estágio
🏫 Acolhimento para grávidas

9. Dúvidas quanto à paternidade: onde obter informação jurídica?

Talvez esteja grávida e a sua relação seja, de algum modo, "complicada". Ou (ainda) não seja casada e gostasse de saber mais sobre o reconhecimento da paternidade. 

À primeira vista, algumas questões sobre a paternidade não parecem fáceis. Especialmente se a gravidez for fruto de um caso ou se não souber quem é o pai. Analisando a situação com mais detalhe, porém, é possível encontrar uma boa maneira de responder a eventuais questões relativas à sua situação pessoal. 

Ao regulamentar este tipo de questões, a lei procura proteger o superior interesse da criança. Considerando isto, é importante que possa pesar aquilo que também é bom para si.

Em Portugal não é possível registar uma criança sem o nome do pai, a não ser que a identidade deste seja desconhecida. Nesses casos, é aberto um processo de averiguação da paternidade, dado que a criança tem o direito a conhecer o seu pai. Nota: se a criança não for registada com o nome do pai, este não terá qualquer obrigação para com ela. Para estas situações, a Segurança Social prevê um fundo de garantia de alimentos devidos a menores.

Mais informação sobre tópicos relacionados:
É possível registar sem o nome do pai?
Reconhecimento da paternidade: quem é considerado o pai?
Regulação das responsabilidades parentais

🧔🏻‍♂️ O que fazer se ele não quiser a criança? — Temos um teste para si!

10. Opções de apoio: a que tenho direito?

🆘 Sente-se numa situação de uma emergência?

Uma mulher grávida não precisa necessariamente de estar numa situação difícil. Em princípio, todas as grávidas e mães têm direito a diferentes tipos de ajuda. Descubra a que tem direito e não tenha medo de aceitar ajuda, ainda que não esteja habituada a isso. Porque é importante que se sinta bem!

💰 Reunimos aqui informações sobre ajudas financeiras para si. Desde o abono pré-natal, subsídio parental e abono de família até outras ajudas em situação de desemprego ou carência económica. 

🙌 Pode encontrar ofertas de apoio na sua área de residência aqui.

📘 Mais dicas:

Preocupada e sem saber o que fazer?

Surgiram preocupações inesperadas durante a gravidez ou está grávida sem ter planeado? Está a pensar como gerir tudo e o que a poderia ajudar? Talvez esteja até a considerar fazer um aborto.

Estamos sempre aqui para si, com os nossos serviços de acompanhamento digital e individual!
Você merece toda a ajuda e apoio que lhe possam fazer bem! 💚

Encontre aqui todas as nossas ferramentas de acompanhamento. Escolha a que mais se adequa a si. Todas são gratuitas, anónimas e confidenciais!
Também pode, por exemplo, escrever-nos através do Formulário de Contacto ou marcar um Agendamento Telefónico!  
Ou, então, faça o nosso Teste de Personalidade  👥 e receba um resultado imediato!

Considera que a informação neste artigo foi útil?